Afinal os alemães querem é carros a gasóleo…

Todos os dias somos bombardeados com notícias sobre a morte do diesel. Ainda recentemente o Ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, fez umas declarações polémicas dizendo que os carros a diesel iam desvalorizar nos próximos 4 ou 5 anos.

Na verdade não precisamos de esperar 4 ou 5 anos para ver isto. No segmento dos citadinos usados com cerca de 5 anos já vemos os carros a gasolina a rondar o preço de um carro equivalente a gasóleo. A procura por viaturas semi-novas a gasolina também tem superado a procura por carros a gasóleo. Isto deve-se não só à eficiência dos novos motores a gasolina, mas também ao alarmismo dos média nacionais e internacionais.

No Histórias já aqui falamos da “anunciada morte do diesel” e fizemos também um comparativo entre o mesmo carro a gasolina e a gasóleo. Mas se num carro novo até pode compensar comprar a gasolina caso não se vá fazer mais de 200 e tal mil quilómetros, num carro semi-novo a história já pode ser diferente: números redondos, num carro novo são necessários cerca de 250 mil quilómetros para compensar o investimento inicial dos cerca de 5 mil euros a mais. Num carro usado, se a diferença for de apenas mil euros, podemos ir buscar essa diferença ao fim de 50 mil quilómetros. E se a vossa preocupação for o ambiente, então convém também saberem que um carro a gasóleo atualmente pode emitir cerca de 15% menos CO2 do que o seu equivalente a gasolina.

Mas então e o título?

De acordo com um comunicado da Volkswagen, que não revelou muitos detalhes mas mesmo assim revelou o suficiente para deixar que pensar, a percentagem de Volkswagen de passageiros a diesel vendidos na Alemanha em 2018 foi de 43%, uma considerável subida em comparação com os 39% de 2017. Mas a subida mais curiosa nem é esta, pois “a procura por carros a diesel foi particularmente acentuada entre os clientes privados, onde a percentagem quase duplicou, passando de 15 por cento em 2017 para 27 por cento no ano passado.”
Nas palavras de Jürgen Stackmann, Membro do Concelho de Vendas da marca Volkswagen, “Na Alemanha, o debate sobre o diesel está carregado de emoções – e frequentemente se desvia dos factos. Devido à sua alta eficiência e desempenho, e à luz das mudanças climáticas, o motor a gasóleo vai continuar a ser uma tecnologia importante nos próximos anos, especialmente para quem faz viagens de longas distâncias.”

Ainda que estes dados sejam apenas da marca Volkswagen e não do número global de vendas do mercado alemão, são dados curiosos e que dão que pensar sobre todas aquelas notícias que lemos diariamente do fim do motor a gasóleo…

There are no comments yet

Why not be the first

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *