Um encontro em Paris…

Para quem gosta de conduzir não há nada melhor do que uma estrada deserta e um bom carro nas mãos. Para quem gosta de aventura, uma cidade deserta pode ser ainda melhor. Para quem não tem amor à carta de condução, pode sempre fazê-lo numa cidade movimentada e ignorar todas as regras de trânsito – não aconselhado, ainda que seja às cinco e meia da manhã de um dia de agosto.
No entanto as coisas mudam de figuram quando se tem a namorada à espera, e entre ficar sem carta e levar um sermão por chegar tarde… a resposta é óbvia!
Há mais de 40 anos o realizador francês Claude Lelouch realizou aquela que é uma das mais espetaculares curtas metragens para os amantes de automóveis. Chama-se “C’était un rendez-vous” que em português seria qualquer coisa como “Era um encontro” e mostra-nos uma viagem de 10km pelas ruas de Paris até ao cimo de Montmartre em apenas 8 minutos.
C'était_un_rendez-vous_path_with_time_markers
Ainda que o som pareça proveniente de um V12 Ferrari, a verdade é que o carro usado foi mesmo um Mercedes-Benz 450SEL 6.9 que com um V8 de quase 300 cavalos também não é nenhuma lesma. A escolha do Mercedes foi simples, pois era o carro perfeito por causa da sua suspensão hidropneumática auto-nivelante, que assim conseguia estabilizar a câmara de 35mm montada na frente do carro. Mais tarde, o realizador voltou a fazer o mesmo percurso no seu Ferrari 275GTB para gravar o som.
lelouch-rendezvous-camera
Nos anos 80 e 90 o filme foi bastante falado e passado de pessoa em pessoa em VHS e claro, muitas histórias e mitos se foram criando à volta do filme. Falou-se em um taxista, pilotos de Fórmula 1 como Jacky Ickx ou Mario Andretti e o próprio realizador Claude Lelouch, sendo esta última versão a verdadeira. O vídeo pode ser adquirido na Amazon ou apreciado neste vídeo do YouTube:

There are no comments yet

Why not be the first

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.